domingo, 12 de fevereiro de 2012

Pavlova de Ananás e Tangerina


Acidentalmente na 6ª feira enquanto navegava pela mundo cibernético encontrei várias receitas de um doce, este que vos apresento aqui, chamado Pavlova. Pelos vistos é um doce bastante famoso por cá,porque apareceu no programa MasterChef Austrália.
Como o aspecto era delicioso decidi experimentar e este foi o resultado! 

Deixo-vos uma curiosidade: Este doce foi criado por um Chef australiano e deve o seu nome Pavlova, a uma famosa bailarina russa  Anna Pavlova. O nome foi escolhido por este ser um doce delicado tal como os passos de ballet desta bailarina!

Receita

Ingredientes
      
 Massa:
  • 4 claras de ovos
  • 200g de açúcar fino
  • 1 colher de sopa de amido de milho (farinha maisena)
  • 1 gota de essência de baunilha
  • 2 colheres de chá de vinagre de vinho branco ou sumo de 1/2 limão
Cobertura
  • 1 pacote de natas
  • 2 colheres de sopa de açúcar em pó
  • 1/2 lata de ananás em pedaços
  • 1 tangerina
  1. Para a massa deve-se Bater as claras em castelo e quando já tiverem alguma espuma começar a juntar o açúcar e ir batendo até ficarem sólidas ( as claras têm de ficar bem firmes, caso contrário o doce não sairá bem);
  2. Juntar o amido de milho, a essência de baunilha e o sumo de limão (que foi o que usei neste caso) e envolver cuidadosamente com uma vara de arames.
  3. Depois deverá colocar-se numa forma previamente forrada com papel vegetal/papel manteiga (ver nota)
  4. Deve-se fazer um ligeiro buraco no centro,bastando para isso espalhar a massa mais para as bordas,para que depois o recheio quando for colocado não caia
  5. O forno deve ser pré-aquecido a 150º, e depois de colocado o doce deve-se baixar para os 120º.Quanto ao tempo de cozedura eu utilizei 1h20m, pois foi o que vi em algumas das receitas consultadas, e por isso mesmo o interior do doce ficou demasiado seco (com textura de suspiro), o que não é o pretendido. Pretende-se que fiquei húmido. Então o que aconselho é 30 a 40 minutos. Da próxima vez que experimentar colocarei este tempo e depois direi qual o resultado.
  6. O doce deve arrefecer dentro do forno e só devem retirar da forma quando estiver mesmo frio, senão ele partirá.
  7. Quanto ao recheio basta bater as natas, previamente colocadas no congelador ( 45min a 1h), juntamente com o açúcar.
  8. Depois envolvi alguns pedaços de ananás nas natas, no fim de já estarem batidas, e o restante ananás utilizei para decorar.
  9. Por fim, basta deitar a mistura das natas no buraco previamente feito e decorar a gosto!
Nota: Quanto utilizo papel manteiga, pincelo sempre a forma com manteiga derretida, depois coloco o papel e volto a pincelar com a manteiga, assim não agarrará e será mais fácil de descolar o papel do doce!

Este é um doce que pode ser feito para aproveitar claras que não tenham utilizado. Eu utilizei as gemas para fazer os meus Biscoitos !

Sem comentários:

Publicar um comentário